domingo, 27 de outubro de 2013

Sonho real

Quando dei por mim estava de novo nos teus braços, sentindo teu coração batendo pertinho do meu.

Fazia tanto tempo que não te via que nem acreditei que fosse verdade. O teu calor me convenceu que era e fiquei tão feliz que não cabia dentro de mim.

Passeamos, namoramos, dançamos como antes, trocamos carinhos e cafunés, conversamos, rimos, andamos de mãos dadas pela rua, te apresentei para alguns conhecidos toda orgulhosa.

Foi tudo muito melhor do que planejei. Perfeito. Sorria sozinha, boba como uma criança que acaba de ganhar um brinquedo prometido há muito tempo.


Aproveitamos cada segundo como se fosse único. E foi. Quando te vi entrando no avião, meu coração parou. Foi-se embora o meu sorriso. Acordei. 

Um comentário: